Aula Anterior Completar e continuar  

  Pronto! Vamos começar?

Pronto! Vamos começar?

Uma vez que você tenha encontrado sua postura para meditar, apenas permita a você se ajustar. Sinta seus membros e músculos relaxarem um pouco, talvez faça um escaneamento mental de seu corpo para perceber se está mantendo alguma tensão ativa em algum lugar. Se estiver, tente liberar um pouco da tensão com cada respiração.

Mantenha seus lábios colados, e descanse a ponta da sua língua no céu da boca, um pouquinho atrás de seus dentes frontais. Sua face deve estar relaxada, sem tensões na sua testa, mandíbula ou pescoço.

Gentilmente fixe seu olhar entre 45 e 90 cm no chão à sua frente. Seus olhos devem ficar um pouco sem foco; você deve sentir seu olhar como algo leve (se isso for desconfortável para você, então você pode fechar seus olhos).

Deixe sua percepção vir para a respiração. Comece apenas notando a sensação de inalar e exalar. Esta é sua base, seu lar, o local no qual focar sua atenção e retornar sempre que sentir que sua mente começa a derrapar.

Permita a você mesmo respirar naturalmente. Note a sensação do ar à medida em que entra em suas narinas, a elevação e depressão do seu tórax, a sutil abertura à medida em que a respiração entra em seu corpo. Sempre que você sentir que seus pensamentos estão derrapando, muito gentilmente traga sua percepção de volta à respiração.

É isso! Continue assim até que seu tempo para a sessão daquele dia houver terminado.

DICA: Quando você perceber que sua mente estiver pensando ou escapando (ela irá, acredite), gentilmente diga a si mesmo "pensando" e guie sua atenção de volta à respiração. Não importa se você ocupar toda sua meditação fazendo isso; você está treinando sua mente para dar um passo para longe desse constante escapulir do pensamento e trazendo-o de volta à simples percepção.

Discussion
0 comments